Urgente: STF retoma em instantes julgamento da ADIN sobre doações de empresas para políticos

O Supremo Tribunal Federal retomará logo mais, às 14 horas, o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade proposta pela Ordem dos Advogados do Brasil contra dispositivos legais que autorizam que pessoas jurídicas realizem doações para partidos e candidatos.

A medida é considerada perigosa para a democracia, pois desequilibra os pleitos, favorecendo os candidatos ligados a grandes grupos econômicos. Além disso, essas doações muitas vezes mascaram atos de lavagem de dinheiro público, oriundos de emendas orçamentárias dirigidas pelos próprios políticos beneficiados.

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil participam da ação, atuando em apoio às medidas reclamadas pela Ordem dos Advogados do Brasil. 

O julgamento será transmitido ao vivo pela TV Justiça. Você pode acompanhar pelo site www.tvjustica.jus.br.

Márlon Reis.
Esta matéria possui 2312 visualizações.




Comentário(s):