Márlon Reis lança livro "O Gigante Acordado" em São Paulo

Nesta quinta-feira (28), o juiz de Direito Márlon Reis lançará o livro "O Gigante Acordado", que trata da atual conjuntura política brasileira e a mobilização pelo combate à compra de votos e em prol da Lei da Ficha Limpa. O lançamento vai acontecer na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, na Avenida Paulista, das 18h30 às 21h30.

No livro, Reis avalia aspectos das recentes manifestações que tomaram conta do país, fazendo um paralelo com o projeto de Reforma Política Popular que está sendo apresentado à sociedade pelos mesmos autores da Lei da Ficha Limpa, com o apoio de entidades como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

 

Sinopse:

Nos últimos anos, as ações políticas do povo brasileiro, que sempre foram fortes, mas isoladas, tomaram corpo através de cobranças, manifestações e posicionamentos que contam, cada vez mais, com uma participação de um maior número de pessoas. Uma série de pequenos delitos, que se tornaram hábitos e foram se tornando mais frequentes, finalmente está sendo questionada, repensada e exigida. O gigante acordou? É a pergunta que nós, brasileiros, nos fazemos todos os dias. O que fazer a seguir? Por onde começar a mudança? Num texto lúcido, informativo e esclarecedor, o jurista Márlon Reis explica como é possível manter o Brasil de pé por meio de uma profunda reforma política que começa nos direitos de cada cidadão e se reflete nos deveres de cada político. “A rebeldia cidadã constitui um dos maiores sinais de vitalidade de um povo. Quem arriscar tapar os olhos para não ver os acontecimentos, talvez esperando que o tempo trate de apagar as marcas do ocorrido, tem muito mais a aprender que os jovens brasileiros que cantaram o Hino Nacional sobre o teto de um lugar acostumado a esquecer a sua letra: o Congresso. Aqui no Brasil também estamos reinventando a democracia, às voltas com as mazelas de um ‘colonialismo-de-nós-mesmos’ que teima em sobreviver sob a forma da compra de votos, da ausência de uma educação emancipatória, do abuso do poder político, de partidos-capitanias, da escravidão política da mulher, das campanhas financiadas exclusivamente pelos ricos. Quando falamos em despertar para a conquista plena dos direitos, cobramos na verdade a construção de uma nova democracia.”

Para adquirir o livro online:

Cia dos Livros

Livraria Folha

Livraria Cultura

Travessa

Siciliano

Saraiva

Fnac

 

Mariana Castro/Ascom.
Esta matéria possui 2577 visualizações.




Comentário(s):